Bombeiro que incendiou 5 veículos no RN é resgatado em torre de celular

7 de julho de 2015

IMG-20150707-WA0005
O Corpo de Bombeiros do Rio Grande do Norte resgatou, no final da manhã desta terça-feira (7), um homem de 31 anos que ameaçava se jogar do alto de uma torre de telefonia celular no município de Touros, litoral Norte do estado. O homem foi identificado como Iraquitan Quirino Souza, soldado do próprio Corpo de Bombeiros que foi afastado em 2013 após tocar fogo em cinco veículos da corporação na cidade de Pau dos Ferros, na região Oeste potiguar.

Por volta das 9h da manhã, o Corpo de Bombeiros recebeu o chamado de que um homem teria subido em uma torre de telefonia e que estaria tentado se jogar. Equipes foram deslocadas até o local e realizaram uma negociação que durou cerca de 2 horas. Por volta das 12h, o soldado aceitou ser resgatado.

De acordo com o advogado Samuel Vilar, que defende Iraquitan Quirino, o soldado foi diagnosticado com esquizofrenia e outros dois tipos de transtornos psiquiátricos após o incidente com os veículos do Corpo de Bombeiros em 2013.

Vilar disse que vai aguardar os próximos acontecimentos, mas negou que o soldado possa responder criminalmente. "Ele não pode receber uma pena punitiva. Ele necessita é de tratamento. Quando houve o incidente em Pau dos Ferros, o Ministério Público sugeriu que ele recebesse o tratamento adequado. A família de Iraquitan também tem vários casos. Ele precisa ser internado", disse o advogado.

Após ser resgatado, Iraquitan Quirino foi conduzido para uma clínica em Natal.

Ambulância ficou completamente destruída
(Foto: Heráclito Daniel)
O caso

Na madrugada do dia 16 dezembro de 2013, cinco veículos do Corpo de Bombeiros em Pau dos Ferros foram incendiados. Um caminhão alto bomba tanque com capacidade para 5 mil litros de água, uma ambulância de resgate e três motocicletas foram destruídas pelas chamas. Parte da estrutura da garagem e de um posto de saúde que fica por trás do prédio do batalhão também foram atingidos, mas ninguém ficou ferido.

O principal suspeito de provocar o incêndio é o soldado Iraquitan Quirino, que estava de serviço no momento do ocorrido. Logo após alertar os colegas de trabalho sobre o incêndio, o soldado fugiu em um carro da corporação. Este carro, um Fiesta vermelho, foi encontrado na noite seguinte em um posto de combustíveis de Goianinha.

Na época, segundo o comandante do Corpo de Bombeiros, coronel Eliseu Dantas, a destruição dos veículos causou um prejuízo de mais de R$ 1,5 milhão aos cofres públicos.

Fonte: G1 RN

0 comentários:

 
Taboleiro Grande News © 2011 | Designed by RumahDijual, in collaboration with Online Casino, Uncharted 3 and MW3 Forum