Puxão de Orelha: Henrique devolve: “baixaria é o que Robinson faz ao mentir e querer distorcer os fatos”!

12 de setembro de 2014

Candidato do PMDB responde críticas e afirma que candidato adversário produz baixaria.
O candidato do PMDB ao Governo do Estado, Henrique Alves, apresentou em seu programa eleitoral documentos que desmentem o que ele mesmo chamou de “baixaria” e “agressões” de um dos adversários o candidato do PSD, vice-governador Robinson Faria. O programa de Robinson havia mostrado antigas denúncias contra Henrique, mas o candidato do PMDB provou por meio de documentação que todas as denúncias eram infundadas e foram arquivadas pela Justiça.

“A campanha do vice de Rosalba continua a veicular denúncias vazias e requentadas. Os casos citados já foram esclarecidos e resolvidos, com documentos que provam o que digo”, disse Henrique Alves logo no início do programa. A campanha de Robinson Faria havia citado uma suposta condenação por improbidade administrativa, uma antiga denúncia acerca da existência de valores no exterior e o uso de um avião da Força Aérea Brasileira em junho do ano passado. Em todos os casos, as denúncias foram arquivadas por não serem verdadeiras.

De acordo com os documentos apresentados pelo candidato do PMDB ontem, a acusação de improbidade administrativa durante o Governo Garibaldi, quando Henrique foi secretário de Estado, foi arquivada no Superior Tribunal de Justiça. Henrique Alves mostrou cópia do Recurso Especial 1.413.013-RN, no qual uma decisão do ministro Mauro Campbell Marques nega os pedidos do Ministério Público e não aceita as provas trazidas pela acusação.

Já a respeito da acusação da existência de supostos valores aplicados no exterior, o desembargador federal Cândido Ribeiro deslegitimou a denúncia e anulou todas os argumentos e evidências coletados pelo Ministério Público. No que diz respeito ao uso do avião da FAB, o assunto sequer chegou à Justiça porque o próprio Ministério Público, órgão responsável por investigar e acusar, quando há irregularidades, arquivou a investigação, destacando que não houve má-fé e que Henrique devolveu os gastos, sem ter cometido nenhuma ilegalidade.

De posse dos documentos que mostram a falta de verdade das acusações, Henrique afirmou estar tranquilo. “Estou tranquilo, porque tenho a verdade comigo. Vou tocar minha campanha em frente, com serenidade, apresentando meu trabalho e minhas propostas para governar. Deixe que a campanha do adversário vá pelo caminho oposto, agredindo e distorcendo os fatos”, garantiu.

Para ele, a verdadeira baixaria é distorcer os fatos. “Isto, sim, é baixaria: faltar com a verdade. Você (eleitor) está vendo tudo e saberá decidir que o melhor para o nosso Estado é mudar com segurança”.

O programa eleitoral seguiu após a apresentação dos documentos com a apresentação de propostas e do trabalho realizado por Henrique pelo Estado nos seus anos como deputado federal pelo Rio Grande do Norte. O município de Riachuelo foi o escolhido para mostrar como o trabalho de Henrique Alves influencia o cotidiano dos potiguares. O calçamento da via que liga a Serra da Formiga à Riachuelo, a construção da praça Cândido Batista e a construção de casas populares no bairro de Nossa Senhora da Conceição, na cidade, foram alguns dos exemplos utilizados.

Também foi o momento para apresentar propostas para a área da saúde, segurança e educação. Henrique elegeu como prioridades na saúde a recuperação dos hospitais regionais, com mais profissionais de saúde e equipamentos, a construção de um novo hospital de traumas em Natal e um mutirão de médicos para realizar cirurgias pelo Estado.

Na área de segurança, são prioridades a realização da Operação 190, na capital e no interior, a qual consiste num plano emergencial com policiamento ostensivo, inteligência e ações sociais de apoio para diminuir os alarmantes índices de segurança que o Rio Grande do Norte ostenta atualmente; e a instalação de um centro de recuperação de dependentes de crack e outras drogas.

Um programa de combate ao analfabetismo, construir mais escolas em tempo integral e o programa Jovem de Futuro, com mais escolas técnicas em todas as regiões do Estado, são as prioridades na área da educação.

Jornal de Hoje

0 comentários:

 
Taboleiro Grande News © 2011 | Designed by RumahDijual, in collaboration with Online Casino, Uncharted 3 and MW3 Forum